Comentário do Dia

27/09/2014. Na última edição do Expresso o Pedro Guerreiro terminava o seu artigo desejando que o Novo Banco pensasse em primeiro lugar nos clientes, clientes, clientes, clientes, clientes, clientes, clientes, clientes, clientes, clientes. Pura ingenuidade porque desde sempre que os bancos só pensam neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles, neles.



 

Último post do blog
18 de Dezembro de 2013
Cem anos de Solidão

Faz este ano cem anos que Henry Ford revolucionou a indústria automóvel ao conseguir produzir o Ford Modelo T em larga escala, de uma forma eficiente e com baixos custos, através da criação de uma linha de montagem para produção em massa.

Últimos artigos de opinião
Livros