Belmiro de Azevedo profetiza!

18 Novembro 2011

“Dentro de quatro a cinco anos, admitimos que metade daquilo que se vende já serão marcas da distribuição”, estimou o líder da Sonae.
 
Há mais de dez anos atrás também Kotler profetizou que no futuro existiriam trés ou quatro marcas de industriais e que todas as outras seriam marcas de distribuidores.
 
Por sua vez, Juan Roig, o dono visionário da Mercadona anunciou que o seu maior desejo era ter nas suas lojas produtos só a sua própria marca, Hacendado!
 
Quem já me ouviu ou leu sabe que há muitos anos venho também defendendo a mesma profecia. Tal já acontece no Reino Unido mas demorou cem anos.
Em Portugal demorará naturalmente menos tempo. Mas não se deve substimar a resiliência das marcas dos industriais.
Muitas delas saberão reagir e ocupar o seu espaço mas agora apenas lado a lado com as marcas dos distribuidores.